Competências estratégicas de gestão de projetos

Quais são as competências estratégicas de gestão de projetos?

Na gestão de projetos, quando os esforços dos stakeholders não são habilmente coordenados e gerenciados existem grandes chances de que o projeto não cumpra o cronograma, ultrapasse o orçamento, não atinja os objetivos e/ou fique aquém da qualidade esperada. Mesmo quando temos projetos dentro do prazo e abaixo do orçamento ainda podemos encontrar falhas caso os critérios do negócio não sejam atendidos.

À medida que um projeto se torna complexo, aumenta a criticidade da função dos seus gestores. A fim de que haja uma conexão entre o sucesso do projeto e a eficácia do gerente de projetos, de acordo com o artigo Effective Project Leadership (PMI) deve-se entender quais são as competências estratégicas de gestão de projetos.

A seguir citamos as principais:

Habilidades de pensamento estratégico

“Para alcançar resultados no mercado em rápida transformação de hoje, os gerentes de projeto precisam extrair as minúcias do dia a dia e se libertar das formas convencionais de como ‘sempre fizemos isso’ para gastar mais tempo pensando estrategicamente e liderando equipes de projetos para o futuro”.

A citação foi traduzida literalmente do artigo Strategic thinking for today’s project managers, publicado no site do PMI. Ainda no mesmo texto tem-se que “o pensamento estratégico é um processo intencional facilmente perdido em meio às pressões de tomadas de decisões operacionais e da liderança tática”.

Das competências estratégicas de gestão de projetos, o pensamento estratégico merece um grande destaque, uma vez que ele se preocupa com resultados e impactos no longo prazo. Gestores de projetos com a habilidade de pensar estrategicamente são proativos e têm algumas outras características, conforme destacado no artigo do PMI:

  • Ao invés de focar-se no que está diretamente à frente, gerentes de projetos com pensamento estratégico têm uma visão periférica.
  • Pensamentos estratégico como uma das competências estratégicas de gestão de projetos significa gerentes que questionam tudo (pensamento crítico avançado).
  • Bons líderes estratégicos mantem-se estável, sintetizando informações de muitas fontes antes de desenvolver um ponto de vista.
  • Muitos gestores de projetos são vítimas de “paralisia de análise”. Ao adotar práticas do pensamento estratégico, o gestor olha para frente e baseia-se em dados e análises para tomar suas decisões.
  • Um líder com competências estratégicas de gestão de projetos fomenta o diálogo aberto, cria confiança e engaja os principais interessados, especialmente quando os pontos de vista divergem.

O tema “Pensamento Estratégico” rende algumas boas linhas e discussões. Caso você queira se aprofundar no assunto ou entender melhor a que nos referimos, recomendamos o e-book: Você sabe o que é Pensamento Estratégico e como ele pode mudar o rumo da sua empresa?

Incorporar a Transformação Digital

“O que estamos oferecendo ao cliente precisa evoluir e mudar, e isso exige um foco diferente para os gerentes de projeto”. A frase foi dita por John Daly, diretor da Cisco Systems, em Jacksonville, Flórida, EUA, ao Podcast “Projectified with PMI”. Um estudo realizado pela PMI, intitulado Pulse of the Profession, comenta que nenhum líder deve fechar os olhos para a disrupção digital.

Dentre as competências estratégicas de gestão de projetos, abraçar a transformação digital dá a ideia de que “líderes de projeto estão armados para operar em múltiplas velocidades usando uma mistura de metodologias e tecnologias. A recompensa é uma organização que acolhe a mudança em vez de estremecer – já construindo a próxima grande coisa antes de ser engolida por ela”. (fonte: Pulse of Profession)

Na publicação PMI’s Pulse of Profession – in depth report, os 3 disruptores mais utilizados para alavancar a vantagem competitiva são:

  • Soluções na nuvem: para o gerenciamento de projetos, a nuvem oferece novos níveis de colaboração e acesso a informações e, ainda, libera os cronogramas para que os profissionais possam oferecer conhecimentos para projetos e problemas dos clientes.
  • Internet das coisas (IoT): para gerenciamento de projetos, a IoT oferece conectividade aumentada e constante. A eficácia da comunicação aumentará à medida que a transferência automática de dados ocorrer. A IoT também aumenta a eficiência dos dados, permitindo tomadas de decisão mais precisas.
  • Inteligência Artificial: recursos de coleta de informações da IA podem ajudar a reduzir erros e vieses quando se trata de criar orçamentos, prever custos excedentes e desenvolver cronogramas. As ferramentas assistidas por Inteligência Artificial também podem ajudar os profissionais do projeto a dedicar mais tempo para garantir que os projetos permaneçam alinhados com os objetivos organizacionais.

A adoção da transformação digital é uma das competências estratégicas de gestão de projetos porque, conforme citado no relatório publicado pela PMI, libera gerentes e líderes de projetos a serem mais criativos e inovadores.

Sugestão de leitura: Como o líder deve agir na transformação digital?

Gestão do Tempo 

Na gestão de projetos, infelizmente tarefas importantes são muitas vezes superadas pelas tarefas urgentes. O gerenciamento do tempo é uma das competências estratégicas de gestão de projetos, pois como gestor você precisa entender que, como disse Eisenhowever: “o que é importante raramente é urgente e o que é urgente raramente é importante”.

Um dos maiores ladrões do tempo são as reuniões. Por isso, uma habilidade valiosa de um gestor de projetos é desenvolver a capacidade para saber quando não ter uma reunião ou simplesmente desconectar uma reunião que saiu dos trilhos.

Gerenciamento de riscos

Quando um projeto não sai como o esperado, sempre existe no ar a dúvida: o gerente do projeto poderia ter previsto e evitado o problema? Patrocinadores de projetos odeiam surpresas e para evitá-las é fundamental que haja o correto gerenciamento dos riscos.

A habilidade de gerenciamento de riscos é a capacidade de identificar riscos bem antes que eles se tornem problemas, e apresentar planos de mitigação eficazes para que o risco de os mesmos trazerem danos e prejuízos seja anulado.

Competências estratégicas de gestão de projetos e habilidades gerais

Além do citado até aqui, algumas outras competências estratégicas de gestão de projetos incluem:

  • Ter uma direção clara: gerentes de projetos devem ser capazes de ter um direcionamento claro sobre objetivos e, além disso, possuir habilidades de articulá-los a outras pessoas.
  • Delegar: um gerente de projeto lidera de frente, mas também permite que outros assumam o controle (nada de micro gerenciamento).
  • Habilidades de comunicação: gerentes de projetos ligam a equipe à estratégia do negócio, portanto, é fundamental que consigam comunicar-se efetivamente com os líderes de negócios.
  • Habilidades de resolução de problemas: embora o gerente de projetos seja proativo (com pensamento estratégico), ele também deve ser capaz de ser reativo e resolver problemas não previstos.
  • Ser um influenciador: aqui trata-se de inspirar outras pessoas a tomar decisões e incentivar seus stakeholders a participarem constantemente do projeto.

Concluindo

Quando tratamos de competências estratégicas de gestão de projetos é importante entendermos que não existe um conjunto estático de habilidades para todos os tipos de projetos. Neste artigo procuramos citar os mais essenciais, mas claro que a lista vai além.

Por exemplo, como gerente de projetos uma parte fundamental do trabalho é o de atingir o resultado no momento certo. Desse modo, deve ser dada atenção ao planejamento de um projeto e, junto com isso, ao monitoramento do progresso à medida que o mesmo avança.

Caso você tenha outras competências estratégicas de gestão de projetos a acrescentar, envie um comentário para nós com as suas sugestões. E se este artigo foi útil a você, fique à vontade para compartilhá-lo com seus colegas. Para ficar por dentro de nossos outros materiais, acesse o Glicando, o blog da Glic Fàs.

Créditos imagem: Pixabay por geralt.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *